Pela primeira vez, Filipe Nyusi assumiu publicamente a gravidade da situação provocada por grupos armados na Província de Cabo Delgado.

Até aqui, as autoridades moçambicanas tinam tentado camuflar a importância da acção dos malfeitores, não informando sobre os ataques e perseguindo os jornalistas que os tentaram investigar.

Agora, o Chefe de Estado moçambicano mostra-se apreensivo com as iniciativas dos criminosos, temendo o alastramento da violência armada naquela região.

Este posicionamento foi revelado na sua primeira entrevista a um órgão de informação interno.

Ao Canal de Moçambique, anunciou que é necessário saber quais as reais motivações dos grupos armados, manifestando que, para isso, conta com a colaboração de todos.

Ao referido jornal, o político caracterizou os criminosos como sendo maioritariamente estrangeiros, não especificando as suas nacionalidades, que atravessam a fronteira moçambicana, usando jovens e pessoas capturadas.

O Presidente referiu que se “fala de conotação islâmica”, para considerar que “é bom que não se use isso como máscara”. Filipe Nyusi adiantou que as autoridades moçambicanas estão empenhadas em procurar o “mandante” e descobrir as suas “motivações”.

Os ataques no Norte de Moçambique já provocaram dezenas de mortos e centenas de desalojados. Os bandidos têm atacado aldeias isoladas, semeando a destruição e a morte e provocando o êxodo das populações.

Comentar

{{#image}}
{{/image}}
{{text}} {{subtext}}

Notícias Recentes

Demitidos dois Ministro na Guiné-Bissau

O chefe do Governo guineense exonerou os titulares das pasta...

Guiné-Bissau    17 maio 2019

Milhares de brasileiros protestaram contra o Governo de Bolsonaro

As manifestações decorreram em mais de duas centenas de cida...

Brasil    16 maio 2019

Angola candidata-se à Organização Internacional da Francofonia

Aquele país lusófono pretende ser membro observador da comun...

Angola    16 maio 2019

Universitários brasileiros protestam contra cortes nos financiamentos

À iniciativa de estudantes que frequentam o ensino superior ...

Brasil    15 maio 2019

Presidente de Moçambique preocupado com ataques no Norte do país

Pela primeira vez, Filipe Nyusi assumiu publicamente a gravi...

Moçambique    15 maio 2019