Os socialistas espanhóis apresentaram, ontem ao parlamento, uma moção de censura ao governo de Mariano Rajoy. Não era certo mas o apoio dos Nacionalistas Bascos ao PSOE acabou por fazer cair, já esta sexta-feira, o executivo do Partido Popular espanhol.

Esta sexta-feira, segundo dia de debate, a jornada começou com a ausência de Rajoy. A porta-voz dos socialistas mostrava-se incrédula com a não comparência do chefe do executivo que só viria a aparecer para assistir ao momento da votação que ditaria o seu fim enquanto líder do governo.

O líder dos socialistas, Pedro Sánchez, conseguiu reunir os votos necessários para derrubar Mariano Rajoy. Sucede-lhe, assim, na liderança do governo de Espanha.

 

(Foto: Palácio do Planalto)

Comentar

{{#image}}
{{/image}}
{{text}} {{subtext}}

Notícias Recentes

Demitidos dois Ministro na Guiné-Bissau

O chefe do Governo guineense exonerou os titulares das pasta...

Guiné-Bissau    17 maio 2019

Milhares de brasileiros protestaram contra o Governo de Bolsonaro

As manifestações decorreram em mais de duas centenas de cida...

Brasil    16 maio 2019

Angola candidata-se à Organização Internacional da Francofonia

Aquele país lusófono pretende ser membro observador da comun...

Angola    16 maio 2019

Universitários brasileiros protestam contra cortes nos financiamentos

À iniciativa de estudantes que frequentam o ensino superior ...

Brasil    15 maio 2019

Presidente de Moçambique preocupado com ataques no Norte do país

Pela primeira vez, Filipe Nyusi assumiu publicamente a gravi...

Moçambique    15 maio 2019